Huawei P40 pode ter bateria de grafeno e recarga super rápida

 

Graças a novas tecnologias, bateria teria capacidade de 5.500 mAh e poderia ser recarregada completamente em 45 minutos

De acordo com rumores publicados pelo site Gizmochina, o próximo carro-chefe da Huawei, o Huawei P40, deverá chegar ao mercado com uma bateria de grafeno, com capacidade de carga maior do que as usadas anteriormente e um sistema de recarga rápida.

A bateria teria apenas 70% do volume das baterias atuais de lítio-polímero, e capacidade de 5.500 mAh. Um sistema de recarga rápida a 50 Watts tornaria possível uma carga completa em apenas 45 minutos.

O aparelho também seria equipado com um painel OLED com resolução quad HD+ e atualização a 120 Hz com design “cascata”, que cobre a frente e as laterais do dispositivo e uma taxa de aproveitamento de 98% do espaço frontal. Um “recorte” alongado na tela abrigaria as duas câmeras para selfies, como no Galaxy S10.

O processador, segundo os rumores, será o Kirin 990 5G. O painel traseiro do aparelho terá um sistema de cinco câmeras com tecnologia Leica, algo que já é tradição da fabricante. Ele seria composto por uma lente primária com sensor Sony IMX700 ou IMX686 com suporte a OIS e arranjo RYYB, uma lente ultra-wide com sensor de 20 MP, uma lente “periscópica” com sensor de 12 MP, uma lente macro e um sensor de profundidade (ToF).

De acordo com o rumor, o aparelho rodará o sistema operacional Android 10 com a interface EMUI 10, da própria Huawei. Recentemente, um relato da indústria indicou que a fabricante tem planos para lançar a linha P40 globalmente, mesmo com as sanções impostas pelos EUA que a impedem de embarcar os serviços do Google em seus smartphones.

Fonte: Gizmochina

Compartilhe:
Translate »